segunda-feira, 22 out 2018
Administração

O Reino de Deus

” O Reino de Deus não é comida, nem bebida, mas justiça, paz e alegria no Espírito Santo” – Romanos, 14:17

Afinal o que será o Reino de Deus que tantos procuram? Onde estaria  esse lugar destinado aos bons e justos? Paulo, tendo aprendido muito com Jesus nos dá uma pista, mas temos que encontra-lo por nossos próprios meios, afinal essa é uma tarefa particular. Quando Jesus nos ensinou a bela prece do Pai Nosso logo em seu inicio colocou: ” Venha a nós o vosso reino” . É de se estranhar que, de acordo com a prece, Deus tivesse que trazer seu Reino a nós, e não nós que tivéssemos que fazer o caminho contrário, afinal seria bem mais fácil um fiel ir a um lugar qualquer do que um Reino todo ter que se deslocar em busca de cada um. Devido a isso já podemos pensar que o tal Reino não é um lugar, mas uma estado, um estado a ser adquirida por sob certas condições, como quando Jesus diz, por exemplo, que somente entrará nesse Reino “Aquele que faz a vontade de meu Pai”.

Diante disso temos que aceitar que, segundo o Cristo, a entrada no Reino de Deus não depende dareino-de-deus aceitação de uma crença, nem mesmo nele, mas do homem possuir certas qualidades morais que lhe elevem à condição de digno de estar no mesmo Reino de Deus. Como bem disse o Mestre: “O Reino de Deus não virá com aparência exterior, nem dirão; ei-lo aqui, ou ei-lo acolá; o Reino de Deus está dentro de vós”. ( Lucas, 17:20 e 21)

O Grande mestre, como sempre, nos deixou um imenso legado psicológico, de imenso potencial transformador. Ao lermos suas palavras é possível, com um pouco de reflexão, atingir a grandeza da sabedoria contida nelas. O Reino de Deus é uma dessas belas associações. Jesus nos convida a recebermos primeiro esse Reino em nós, para depois o alcançar aquele estado de paz e felicidade que tantos procuram. A única coisa que pode nos atrapalhar nessa caminhada é nossa própria ignorância.

Assim enquanto ignorarmos que esse estado já habita dentro de nós mesmos, em nossa alma, e vivermos perdidos em nossos próprios anseios egoístas, buscando muitas vezes um Reino de Deus que esteja no mundo exterior, embora ele esteja dentro de nós, não estará ao nosso alcance e nós não esteremos com ele; e o resultado disso será apenas o sofrimento e a perda de paz. A única maneira de alcança-lo finda então ser o desenvolvimento, por nossos próprios méritos, de uma melhor forma de ser, aonde não haja espaço em nossos corações para o orgulho, a vaidade e egoísmo, em resumo, nos evangelizando de acordo com os preceitos do Cristo. Assim conseguiremos todos construir um Reino de Deus em nós e para o mundo, aonde caibam todos aqueles de boa vontade.

 

ARQUIVO MORTO

AOS MEUS PACIENTES

Nos últimos 10 anos tive pacientes dos mais diferentes tipos no meu consultório: tive os agradáveis, os difíceis, os que queriam resolver logo sua vida, os que queriam apenas aliviar suas dores, aqueles que não sabiam o que queriam, os curiosos; alguns jovens, corajosos; anciãos às portas da morte, pacientes espiritualizados, céticos, cínicos, com fé demais, com fé de menos, "loucos varridos", pacientes divertidos, prepotentes, alguns amargos; todos de alguma forma doentes... de tudo: do corpo... da alma... do coração; mas todos com algo em comum, a necessidade de dividir suas dúvidas e angústias com alguém, de encontrar uma saída para suas dores e formas de acertar o que estava errado em suas vidas.

(clique aqui para ler na íntegra.)

VÍDEOS

YouTube responded to TubePress with an HTTP 410 - No longer available

CONSULTAS EM MANAUS