sábado, 18 nov 2017
Administração

Lobão e o tempo

lobao3Acabei de ler o livro “Guia politicamente incorreto dos anos 80 pelo rock” do escritor e músico Lobão, de onde vou tirar uma passagem que fala do tempo, e como este é a matéria prima do meu trabalho a achei muito interessante, além de poética, vai a seguir.

“O conceito de sequência temporal só faz sentido enquanto dedicamos nossa atenção em existir no momento presente.

O passado não pertence a esse domínio presencial do indivíduo que é o instante.

O passado é coletivo por abranger tudo de tudo, muito além do que nós mesmos pensamos que somos.

Por isso é tão complexo e maravilhoso ser só.

Mas o futuro é mais difuso, mais enganador, é quase sempre refém de uma trapaça da  imaginação.

Portanto, é o passado que, em meio a essa massa latejante de acontecimentos sentidos, vividos, explodidos, derretidos, sugados e atirados seja lá aonde for, reaparece quando gritamos por ele, como um eco perdido saído das manhãs do tempo.

E por isso a tentativa e erro é a nossa maior ponte para o fazer: o passado está ai para nos ensinar.

O futuro a Deus pertence.

E o homem sábio já aprendeu por todas as tragédias pelo destino a ele impingidas que não deve brincar de deus.

O homem sábio se preocupa em fazer, observando o que perdeu.

O bobo insiste em adivinhar o futuro, teorizando o que jamais acertará”.

Após ter vivido esta década, com suas alegrias e tristezas, e ter me tornado eu mesmo mais sábio, só posso dizer que isso tem muito de verdade.

Related Posts with Thumbnails
Palavras-chave:, ,

 

ARQUIVO MORTO

AOS MEUS PACIENTES

Nos últimos 10 anos tive pacientes dos mais diferentes tipos no meu consultório: tive os agradáveis, os difíceis, os que queriam resolver logo sua vida, os que queriam apenas aliviar suas dores, aqueles que não sabiam o que queriam, os curiosos; alguns jovens, corajosos; anciãos às portas da morte, pacientes espiritualizados, céticos, cínicos, com fé demais, com fé de menos, "loucos varridos", pacientes divertidos, prepotentes, alguns amargos; todos de alguma forma doentes... de tudo: do corpo... da alma... do coração; mas todos com algo em comum, a necessidade de dividir suas dúvidas e angústias com alguém, de encontrar uma saída para suas dores e formas de acertar o que estava errado em suas vidas.

(clique aqui para ler na íntegra.)

VÍDEOS

YouTube responded to TubePress with an HTTP 410 - No longer available

CONSULTAS EM MANAUS