sábado, 21 set 2019
Administração

Melancolia

Opressão, aperto no coração

Abismo que se agiganta no peito

Nem parece emoção

Feita de dor, raiva e destruição

Como se fosse uma implosão

Deixando sem sentido a vida, restando somente a solidão.

Experiência única, destruidora da felicidade, mentes e sanidade!

Acompanhando-se de angústia, tristeza e fealdade

Destruidora de qualquer alma e vontade

Que desde aí não pode ser preenchida por nada mais

Pois que se quebrou, como cristais

Irremediavelmente partidos, a tempo demais.

Como iremos aprender a saciar aquilo que não tem nome, nem descrição?

Mais parece uma aberração!

De uma existência impossível, sem dor no coração.

A única saída é ir de encontro às profundezas de nossa alma,

Em busca da sabedoria, e assim quem sabe

Poderemos um dia

Nos livrar da agoniamelancolia

De sermos presas da maldita melancolia

E conseguirmos, afinal, viver livres e felizes

Com alegria

Related Posts with Thumbnails
Palavras-chave:

 

ARQUIVO MORTO

AOS MEUS PACIENTES

Nos últimos 10 anos tive pacientes dos mais diferentes tipos no meu consultório: tive os agradáveis, os difíceis, os que queriam resolver logo sua vida, os que queriam apenas aliviar suas dores, aqueles que não sabiam o que queriam, os curiosos; alguns jovens, corajosos; anciãos às portas da morte, pacientes espiritualizados, céticos, cínicos, com fé demais, com fé de menos, "loucos varridos", pacientes divertidos, prepotentes, alguns amargos; todos de alguma forma doentes... de tudo: do corpo... da alma... do coração; mas todos com algo em comum, a necessidade de dividir suas dúvidas e angústias com alguém, de encontrar uma saída para suas dores e formas de acertar o que estava errado em suas vidas.

(clique aqui para ler na íntegra.)

CONSULTAS EM MANAUS