quinta-feira, 05 dez 2019
Administração

Culpa e indiferença

A culpa é um sentimento negativo que pode transformar vidas para melhor ou pior, a depender do que se faça com ela; originada de atos que conflitam com a nossa consciência e sistema de crenças podem nos trazer uma sensação de infelicidade muito profunda que atrapalha nosso viver e impede de nos realizar na vida.

Quando se torna o motivador de uma mudança de paradigmas ou de tomada de uma nova forma de ser, a culpa vai ser uma coisa produtiva que pode nos tornar melhores e mais centrados na vida, principalmente quando se torna uma lição a nunca mais ser repetida. Partindo inicialmente se de uma sensação de remorso, pode evoluir para o arrependimento e deste para uma nova atitude perante a mesma situação no futuro.culpa

Se não houvesse o remorso e a culpa nunca os homens repensariam seus atos e não precisariam se preocupar com o bem estar do próximo e da sociedade; a ética estaria fadada a ser letra morta e as religiões, principalmente as judaico-cristãs, perderiam um de seus pilares. Mas longe de cultivarmos a culpa devemos aprender com ela, sabedores que passamos a nos tornar dos malefícios de nossos atos nos tornamos responsáveis por eles; só assim podemos mudar o que somos e resgatar o que fizemos.

Tenho visto a culpa muitas vezes nas pessoas em minha experiência profissional, seja maltratando-as, motivando ou transformando, algumas vezes porém essa culpa se reveste de outra forma, como uma proteção da psique ela se reveste de indiferença, criando uma falsa sensação de tranquilidade e paz que no fundo não existem, mas que permitem ao indivíduo existir no mundo segundo seus próprios valores. Nesses seres a culpabilidade sobre seus atos, muitas vezes graves e cruéis, é atenuada pela ironia, sarcasmo e mostra de poder que parece conferir, quando na verdade os apenas tornou menos humanos.

Isso acontece principalmente em quem tem uma personalidade ou caráter associado à psicopatia, onde os sentimentos e emoções encontram-se embotados e confusos, a raiva prevalece sobre todas as emoções e a intolerância reina. Infelizmente, ou felizmente, uma hora o remorso e a culpa se instalam, seja na vida atual ou numa outra no futuro, a aí todas as falhas erros e desmandos irão se mostrar como realmente eram, em toda a extensão de seu mal. Só assim o espírito parte para a mudança de padrão de funcionamento que precisa fazer para se enquadrar melhor no universo em que vive.

Não adianta fingir ou tentar ser indiferente à nossos próprios atos num ato de covardia insana, temos que ser corajosos e enfrentar nossas próprias fraquezas e desumanidades, só fazendo isso e descendo do pedestal de nosso orgulho iremos sobreviver a nós mesmos. Sem a referência da culpa e do remorso não iremos parir seu filho, o arrependimento, e deixaremos escapar mais uma oportunidade de sermos felizes num mundo onde vai reinar o amor e a paz.

Related Posts with Thumbnails

 

ARQUIVO MORTO

AOS MEUS PACIENTES

Nos últimos 10 anos tive pacientes dos mais diferentes tipos no meu consultório: tive os agradáveis, os difíceis, os que queriam resolver logo sua vida, os que queriam apenas aliviar suas dores, aqueles que não sabiam o que queriam, os curiosos; alguns jovens, corajosos; anciãos às portas da morte, pacientes espiritualizados, céticos, cínicos, com fé demais, com fé de menos, "loucos varridos", pacientes divertidos, prepotentes, alguns amargos; todos de alguma forma doentes... de tudo: do corpo... da alma... do coração; mas todos com algo em comum, a necessidade de dividir suas dúvidas e angústias com alguém, de encontrar uma saída para suas dores e formas de acertar o que estava errado em suas vidas.

(clique aqui para ler na íntegra.)

CONSULTAS EM MANAUS