domingo, 21 jul 2019
Administração

Compreensão

Em toda minha experiência com as vidas e mortes de meuscompreensão pacientes a maior lição que vejo eles tirarem de suas travessias entre um plano e outro é a da compreensão maior de sua existência, a nível espiritual e eterno. Isso é muito belo e independe de fé, crença ou religião, ajudando em muito na terapêutica.

Tive um grande exemplo disso a semana que passou através da regressão de uma nova paciente, J.B, uma jovem que chegou à terapia com uma queixa simples: ter muita dificuldade de enfrentar mudanças na sua vida, em qualquer nível, gerando mal-estar e desconforto físico quando acontecem.

Na sua regressão ela se viu como uma linda mulher na Idade Média, vivendo no que parecia ser uma corte europeia e fazendo parte de uma trama política internacional. Essa trama era de tal complexidade que ela não conseguiu me traduzir direito do que se tratava, só que no fim iria prejudicar muito um personagem que era seu marido naquela época. Tudo se passava em meio a traições e mentiras que envolveram vários personagens e influenciaram o destino de muitos. Voltando alguns meses no tempo ela se viu numa festa, num salão rico, passando informações para alguém e agindo de forma muito calculista e interesseira para chegar aos resultados que desejava, usando as pessoas.

Fez isso porque tinha dívidas com alguém importante e para paga-las e ter uma vida nova e distante de onde estava, precisava articular um jogo de espionagem e troca de informações. No final findou conseguindo o que queria e fugiu para outro país onde passou a ter uma vida mais simples, mas feliz, até a  velhice, quando morreu acompanhada apenas de uma serva, aparentemente nunca constituiu uma família. O mais interessante veio depois disso; ela me contou, ainda durante a regressão, que sentiu culpa aquela vida inteira pelo mal que causou, tendo prejudicado várias pessoas, mas que aplacava sua consciência racionalizando as coisas e dizendo a si mesma que fez apenas o que foi necessário para não ficar presa a ninguém, queira ser livre, mas sentia que suas dívidas a prendiam.

Apesar de se sentir feliz e em paz por ter acabado aquela vida, nunca deixou de sentir muito remorso e percebeu que na realidade o que lhe libertou foi o arrependimento do que fez, disse que o que ficou de tudo aquilo foi compreensão, por tudo isso. Sentiu que seu espírito evoluiu e ficou mais leve depois daquela vida onde da ostentação e luxo terminou feliz na sua simplicidade. Depois da morte disse que se tornou mais consciente e emotiva e compreendeu que, inclusive, seu espírito aprender a sentir emoções foi uma necessidade, pois ela era meio psicopata e tinha dificuldades em sentir emoções. Isso tudo lhe ajudou a ter uma evolução interior muito grande e sentiu seu espírito ir se tornando mais bonito ao longo do tempo, após tomar consciência de seus erros e ter decidido que não iria mais “objetivar” nem usar as pessoas para  atingir seus desejos, pois isso poderia resultar em graves consequências.

Como podemos ver, a nossa capacidade de compreensão aumenta sobremaneira após o desencarne, pena que não tenhamos essa consciência ainda aqui, errando erros que vão fazer nosso espírito perder tempo precioso em sua evolução, mas como finalizou dizendo minha paciente: “Meu espírito é inteligente e percebe que vai ter a oportunidade de corrigir o que fez, indo sempre em frente em sua evolução”.

 

Related Posts with Thumbnails

 

ARQUIVO MORTO

AOS MEUS PACIENTES

Nos últimos 10 anos tive pacientes dos mais diferentes tipos no meu consultório: tive os agradáveis, os difíceis, os que queriam resolver logo sua vida, os que queriam apenas aliviar suas dores, aqueles que não sabiam o que queriam, os curiosos; alguns jovens, corajosos; anciãos às portas da morte, pacientes espiritualizados, céticos, cínicos, com fé demais, com fé de menos, "loucos varridos", pacientes divertidos, prepotentes, alguns amargos; todos de alguma forma doentes... de tudo: do corpo... da alma... do coração; mas todos com algo em comum, a necessidade de dividir suas dúvidas e angústias com alguém, de encontrar uma saída para suas dores e formas de acertar o que estava errado em suas vidas.

(clique aqui para ler na íntegra.)

CONSULTAS EM MANAUS